Administrar, Organizar e Facilitar a Rotina Doméstica


Administrar e organizar as tarefas diárias do lar é uma rotina um pouco chata e cansativa, mas adquirindo pequenos hábitos, modificando as formas de realizar o que tem que ser feito e programando as atividades, o dia-a-dia torna-se mais leve e a organização passa a fazer parte do nosso cotidiano. Para começar, analise o ambiente, doe o que não usa mais, jogue fora o que não tem mais utilidade e arrume tudo de uma forma prática e fácil de manter organizado. Uma casa limpa, com armários, gavetas e despensa organizadas, com contas e documentos guardados e em ordem e uma cozinha prática e eficiente, deixa a vida muito mais tranquila. Depois é só fazer um Programa de Organização que vai variar de acordo com o tempo e os horários disponíveis. Aqui você encontra dicas e sugestões para montar sua programação pessoal, para se organizar e ter uma vida mais gostosa e feliz.

segunda-feira, agosto 15, 2011

Como Organizar o Quarto das Crianças

Muita gente aceita com resignação que nunca será possível eliminar toda a bagunça da criançada, principalmente no quarto. As chaves para resolver o problema são paciência, criatividade e estratégias especiais.

Dê o exemplo.
Mantenha seu quarto arrumado e demonstre entusiasmo pela tarefa de organização, assim as crianças se contagiam.

Elimine roupas e brinquedos que não são utilizados.
Tire tudo dos armários e gavetas e selecione o que serve e o que pode ser dispensado. Se não tiver certeza do que cabe ou não peça para que a criança prove as roupas. Também pergunte do que ela gosta ou não.

Tenha um lugar para cada coisa.
Seus móveis e armários devem tornar mais fácil a tarefa de guardar seus pertences e deixar tudo em ordem, reduzindo a confusão.


Providencie recipientes variados.
Eles servem para que as crianças guardem objetos de um mesmo tipo. Assim elas vão ser capazes de localizar o que querem rapidamente.


Deixe as coisas mais requisitadas em locais mais acessíveis
Utilize as prateleiras e gavetas mais baixas. Nos lugares altos guarde objetos pouco usados e rotule caixas, gavetas e prateleiras. Se seus filhos ainda não lêem, utilize fotos, desenhos ou figuras, assim que aprenderem a ler troque-os por palavras.


Instale um suporte de cabides ao alcance delas.
Para que as crianças possam, elas mesmas, pendurar suas roupas. Opção barata é o suporte de pressão, que você levanta à medida que elas crescem. Você pode ainda improvisar um suporte passando uma corrente através de um tubo de plástico resistente o suficiente para sustentar os cabides. Prenda um aro de cortina em cada extremidade e pendure no suporte original. No suporte principal pendure roupas pouco utilizadas.

Tenha divisões no armário.
Separe áreas para roupas caseiras, uniformes, e roupas de passeio. Destine cada gaveta do armário para um tipo de roupas: meias, roupas de baixo, camisetas, shorts, camisas, calças, etc. Se seus filhos ainda não souberem combinar cores, pendure roupas que combinam juntas.

Instale na porta do guarda-roupa ganchos mais baixos
Para que as crianças possam deixar pendurados objetos de uso diário, mochilas, pijamas e acessórios esportivos.


Compre uma sapateira.
Certifique-se de que ela é capaz de conter todos os calçados de seus filhos. Ensine-os a manter os pares sempre juntos. Uma interessante opção para organizar os calçados otimizando espaço e facilitando a organização é a Easy Box, um kit organizador de sapatos com capacidade para até 10 pares.

Para ampliar o espaço, instale um gaveteiro portátil.
Bons locais são: debaixo das camas ou dentro do armário. Isso ainda facilita o acesso para crianças pequenas, que não conseguem abrir gavetas pesadas e não alcançam prateleiras mais altas.


Deixe um cesto para roupa suja no quarto da criança.
Você pode instalar uma cesta de basquete sobre o cesto para motivar as crianças a executar essa tarefa.
 

E ainda ...
Antes de comprar roupas para seus filhos, veja o que eles realmente estão precisando e anote em uma lista, com o tamanho deles ao lado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário